OBVIAMENTE!

"«O combate ao aborto e não apenas ao aborto clandestino deve ser uma opção política estratégica por parte do Estado».", Gonçalo Vassalo Moita, do movimento "Independentes Pelo Não".

Comentários:
aaahh.. esse realmente é um tema muito delicado não é..
manero seu blog ^^

boa tarde e feliz 2007 ;**
 
OK! Plenamente de acordo!

Mas, simultaneamente, retiremos o Aborto da clandestinidade, legalizando-o!
 
Interessante este blogue.

Meu nome é Alexandra Caracol e sou escritora.

Convido a visitar meu blogue que tem imensos textos didácticos sobre educação de crianças e adolescentes entre outros temas.

Vários dos textos integrantes dos livros que já editei estão expostos no meu blogue

http://violada_mas_nao_vencida.blogs.sapo.pt/

Poderá ainda ver textos da vida real com situações de abusos e violência tal como em

http://violada_mas_nao_vencida.blogs.sapo.pt/5355.html

Mais testemunhos da vida real estão prestes a serem colocados neste blogue por pessoas que foram vítimas e que não se importam de “dar a cara” falando acerca do sofrimento por que passaram. Cabe a nós gritar contra estas situações que proporcionam sofrimento naqueles que são ou foram vítimas de abusos.

Aborto? (Aprovar ou desaprovar?)

Veja em

http://violada_mas_nao_vencida.blogs.sapo.pt/6198.html

Como presente de Ano Novo poderá ver um pequeno vídeo em que a minha filha de 8 anos dá um pequeno recital tocando violino no post com o título de "O poder da música" em

http://violada_mas_nao_vencida.blogs.sapo.pt/13400.html


Bom Ano Novo

Alexandra Caracol
 
Toca a meter a moralidade da gentinha sob controle do Estado!
 
RESPONDAM-ME SE FOREM CAPAZES: se há tantas mulheres maltratadas ou violentadas pelos maridos ou companheiros, porque não legalizar a morte dos mesmos? Não queremos ver estas mulheres com penas de 8 anos e mais na prisão.
 





blogue do não