REVISTA DE IMPRENSA (26)

"O número das interrupções voluntárias da gravidez em Espanha aumentou em 7,86 por cento em 2005, revelou, hoje, o Ministério da Saúde e Consumo." Verificou-se um acentuado crescimento em comparação com 2004, ano em que se registaram 84.985 abortos.
Fonte: Lusa

Comentários:
Claro que aumentou! São as portuguesas que lá vão.
 
Destes quantos são portugueses?

Decerto vários milhares...
 





blogue do não